quinta-feira, 22 de maio de 2014

Crónica do Jogo Paradense x Martingança

Chão da Parada 1 - Martingança 2

Chão da Parada alinhou com: Jorge Ferreira II, Luís Nascimento, Jorge Ferreira, Inácio Duarte, Pedro Meca (Cap.), Nuno Ribeiro, Fernando Manuel, Paulo Ferreira, Wilson Barros, Paulo Braz (1) e Jorge Silva.
Reforços: Gilberto Canas, Gentil Louro, Abel Contente, Dane Rasteiro e Gonçalo Gomes.

Mais um jogo com estes amigos recentes mas que parecem já de longa data, tal é a forma carinhosa com que se tratam, de uma forma recíproca e amistosa.
Quanto ao jogo, foi mais ou menos a cópia do anterior, ou seja os da casa ao ataque quase sempre e os visitantes a defender e bem, tentando de quando em vez um contra ataque para equilibrar o jogo. Até que os da casa conseguiram o seu justo golo, que pecou por tardio, tendo em conta as inúmeras ocasiões para os da casa fazerem um ou dois golos. Mas feito o mais difícil, abrir o marcador, eis que numa desatenção, logo no minuto seguinte deu-se o empate, que se seguiu até ao intervalo.

Os da casa foram para a 2ª parte completamente virados para a vitória, mas ao minuto dois, uma desatenção ditou a derrota através de uma grande penalidade que ditou o vencedor, porque a partir daí, não houve cabeça dos visitados para marcar nenhum golo, mesmo alguns de baliza aberta.
Mérito para os visitantes que guardaram muito bem a sua baliza e os da casa, porque nunca desistiram de procurar pelo menos o empate.

Para memória futura fica a maneira como todos se comportaram, em alto nível e o homem do apito também Tó-zé Agostinho.
Na 3ª parte seguiu-se o jantar convívio e aí mais um grande momento de amizade, que vai ficar para sempre.

Próximo jogo será dia 24 de Maio em Chão da Parada, com os amigos do Pinhal de Óbidos, pelas 17 horas.

Por Gentil

Sem comentários:

Enviar um comentário